quarta-feira, 24 de maio de 2017

BC: ajuste externo continuou em abril e fluxo de investimento direto permaneceu robusto

       

O saldo em transações correntes foi superavitário em US$ 1,2 bilhão em abril, segundo os dados divulgados ontem pelo Banco Central, indicando que o ajuste das contas externas continuou a ocorrer. Além disso, o ingresso de Investimento Direto no País (IDP) seguiu forte no período, com entrada líquida de US$ 5,6 bilhões. Assim, em doze meses o montante recebido de IDP é significativamente superior ao déficit em conta corrente (a necessidade de financiamento externo é negativa em US$ 65 bilhões). Na conta corrente, destacamos novamente o forte superávit da balança comercial (US$ 6,7 bilhões), em linha com o sugerido pelos dados divulgados pelo MDIC. Mais uma vez, o saldo bastante positivo foi impulsionado pelo avanço das exportações. Para maio, os dados semanais já apresentam significativo superávit, indicando que saldo balança comercial deverá repetir o forte desempenho de abril. O déficit em serviços (de US$ 2,5 bilhões) ficou em patamar semelhante ao registrado em abril de 2016. Na conta financeira, Investimentos Diretos no País seguiram mostrando entrada líquida de US$ 5,6 bilhões. Com isso, este item acumulou saldo positivo de US$ 84,7 bilhões nos últimos doze meses. Em contrapartida, houve saída líquida de US$ 383 milhões em ações, ao passo que a rubrica de renda fixa apresentou entradas liquidas de US$ 4,4 bilhões. Outro ponto positivo é que a taxa de rolagem atingiu 89% em abril, na esteira da melhora verificada em março. No primeiro quadrimestre, a taxa média foi de 86%, superior à observada no mesmo período do ano passado, quando havia ficado em 45%, reforçando a tendência de melhora das condições de funding da economia brasileira neste início de ano. Dessa forma, os dados de abril fortalecem nossa expectativa de continuidade do ajuste externo. Tendo em vista que a recuperação da atividade vem se mostrando bastante gradual, acreditamos que o ajuste do déficit externo também persistirá por mais algum tempo. Além disso, a balança comercial seguirá contribuindo positivamente com o saldo em transações correntes. Ainda que as importações se recuperem, as exportações têm se mostrado bastante fortes, o que deve compensar tal efeito. Assim, o déficit externo em 2017 deverá ficar em torno de 1,2% do PIB, sendo facilmente financiado pelos ingressos de Investimento Direto no País.



Conteúdo completo disponível em:






Links:


DNA. - Kendrick Lamar

I'm The One - DJ Khaled Featuring Justin Bieber, Quavo, Chance The Rapper & Lil Wayne

Body Like A Back Road - Sam Hunt

Malibu - Miley Cyrus

Prédios mais altos do mundo

Assalto - Carlos Drummond de Andrade

Bacias hidrográficas do estado de São Paulo

Bacias hidrográficas - São Paulo - Conheça seu Estado (História e Geografia)

Santa Catarina - Conheça seu Estado (História e Geografia)

O espaço geográfico e sua organização

A organização do espaço geográfico brasileiro

Grandes Esperanças - Charles Dickens - PDF

O Alienista PDF

Just Go #JustGo - Viagem Volta ao Mundo

Boa Vista - Roraima RR - Brasil

Aldeia Tuyuka - Manaus - Amazonas AM - Brasil

Planta - Atividades Educativas para crianças

Idade das Religões - Religião História

Mato Grosso do Sul - Conheça seu Estado (História e Geografia)

Atividades extrativistas do Mato Grosso do Sul

Quincas Borba

Dom Casmurro

Esaú e Jacó

Salmos

Memórias Póstumas de Brás Cubas



Anne Frank PDF

anne frank pdf

Bíblia Sagrada - João Ferreira de Almeida - Bíblia Sanderlei Silveira

Sanderlei Silveira

Sanderlei Silveira

Sanderlei Silveira

Sanderlei Silveira

Sanderlei Silveira

Sanderlei Silveira

Lista de BLOGs by Sanderlei Silveira



I'm The One - DJ Khaled Featuring Justin Bieber, Quavo, Chance The Rapper & Lil Wayne

And So Did I - Isaac Joslyn Cox

The Cold Heaven - William Butler Yeats

As festas populares em Santa Catarina SC

Áreas de preservação no estado de São Paulo SP

Os símbolos do estado do Rio de Janeiro RJ

A Guerra do Contestado PR

Pantanal – Patrimônio Natural da Humanidade MS

Assalto - Carlos Drummond de Andrade

Amor é fogo que arde sem se ver - Poesia

O navio negreiro - Poesia

Mitologia Grega

Antífona - Poema, Poesia

OPEP seguiu cumprindo acordo de redução de oferta de petróleo

Ursa Maior - Macunaíma - Mário de Andrade

Salmos - Capítulo 22 - Bíblia Online

Mercado Municipal Adolpho Lisboa - Manaus - Amazonas AM - Brasil

Mein Kampf PDF

Romeo and Juliet - William Shakespeare - AudioBook

Budismo moderno

The Second Coming - William Butler Yeats

The Road Not Taken - Robert Frost

Ozymandias - Percy Bysshe Shelley

Curso de Espanhol Online - Gratis e Completo

Curso de Inglês - Gratis e Completo

Crônica dos burros - Machado de Assis

Religion - Ancient History

Artur de Azevedo - Contos

Audio Livro - Sanderlei

Contos de Eça de Queirós

Diva - José de Alencar - Audiobook

Educação Infantil - Nível 1 (crianças entre 4 a 6 anos)

Educação Infantil - Nível 2 (crianças entre 5 a 7 anos)

Educação Infantil - Nível 3 (crianças entre 6 a 8 anos)

Educação Infantil - Nível 4 (crianças entre 7 a 9 anos)

Educação Infantil - Nível 5 (crianças entre 8 a 10 anos)

Educação Infantil - Nível 6 (crianças entre 9 a 11 anos)

Euclides da Cunha - Os Sertões (Áudio Livro)

Historia en 1 Minuto

Lima Barreto - Contos (Áudio Livro - Audiobook)

Livros em PDF para Download (Domínio Público) - Sanderlei

A Mão e a Luva - Machado de Assis

Crônica - Machado de Assis

Dom Casmurro - Machado de Assis

Esaú e Jacó - Machado de Assis

Helena - Machado de Assis

Memórias Póstumas de Brás Cubas - Machado de Assis

Papéis Avulsos - Machado de Assis

Poesia - Machado de Assis

Quincas Borba - Machado de Assis

Teatro - Machado de Assis

O Diário de Anne Frank

SAP - Course Free Online

Totvs - Datasul - Treinamento Online (Gratuito)


Um comentário:

  1. O saldo em transações correntes foi superavitário em US$ 1,2 bilhão em abril, segundo os dados divulgados ontem pelo Banco Central, indicando que o ajuste das contas externas continuou a ocorrer. Além disso, o ingresso de Investimento Direto no País (IDP) seguiu forte no período, com entrada líquida de US$ 5,6 bilhões. Assim, em doze meses o montante recebido de IDP é significativamente superior ao déficit em conta corrente (a necessidade de financiamento externo é negativa em US$ 65 bilhões). Na conta corrente, destacamos novamente o forte superávit da balança comercial (US$ 6,7 bilhões), em linha com o sugerido pelos dados divulgados pelo MDIC. Mais uma vez, o saldo bastante positivo foi impulsionado pelo avanço das exportações. Para maio, os dados semanais já apresentam significativo superávit, indicando que saldo balança comercial deverá repetir o forte desempenho de abril. O déficit em serviços (de US$ 2,5 bilhões) ficou em patamar semelhante ao registrado em abril de 2016. Na conta financeira, Investimentos Diretos no País seguiram mostrando entrada líquida de US$ 5,6 bilhões. Com isso, este item acumulou saldo positivo de US$ 84,7 bilhões nos últimos doze meses. Em contrapartida, houve saída líquida de US$ 383 milhões em ações, ao passo que a rubrica de renda fixa apresentou entradas liquidas de US$ 4,4 bilhões. Outro ponto positivo é que a taxa de rolagem atingiu 89% em abril, na esteira da melhora verificada em março. No primeiro quadrimestre, a taxa média foi de 86%, superior à observada no mesmo período do ano passado, quando havia ficado em 45%, reforçando a tendência de melhora das condições de funding da economia brasileira neste início de ano. Dessa forma, os dados de abril fortalecem nossa expectativa de continuidade do ajuste externo. Tendo em vista que a recuperação da atividade vem se mostrando bastante gradual, acreditamos que o ajuste do déficit externo também persistirá por mais algum tempo. Além disso, a balança comercial seguirá contribuindo positivamente com o saldo em transações correntes. Ainda que as importações se recuperem, as exportações têm se mostrado bastante fortes, o que deve compensar tal efeito. Assim, o déficit externo em 2017 deverá ficar em torno de 1,2% do PIB, sendo facilmente financiado pelos ingressos de Investimento Direto no País.

    ResponderExcluir